Deprecated: mysql_connect(): The mysql extension is deprecated and will be removed in the future: use mysqli or PDO instead in /home/storage/5/55/2a/site1382735168/includes/inc-funcoes.php on line 11
Amatra 5 reúne ex-presidentes da entidade durante café da manhã | Amatra 5
Amatra 5 reúne ex-presidentes da entidade durante café da manhã
10 de abril de 2006




 



 



 



 



 



 



 



 



A Amatra 5 promoveu na última segunda-feira, dia 10 de abril, um café da manhã com os ex-presidentes da entidade. O objetivo do encontro foi reunir os magistrados que dirigiram a associação para participar de uma sessão de fotos com vistas à criação da Galeria dos Ex-presidentes da Amatra 5, que deverá ser inaugurada em maio próximo, na sede da Amatra 5.



O evento contou com a participação dos ex-presidentes Antônio Cruz Vieira, Ilce Marques de Carvalho, Raymundo Pinto, Cláudio Brandão, Marama Carneiro e Rubem Nascimento Júnior, além de membros da atual diretoria da Amatra 5, sob a presidência da juíza Fátima Stern. Os ex-presidentes Horácio Pires, Carlos Alberto Cardoso e José Joaquim de Almeida Netto não puderam comparecer por terem assumido outros compromissos anteriormente.



O encontro foi uma oportunidade para a confraternização entre os ex-dirigentes da entidade, que tiveram um papel relevante na condução do movimento associativo baiano ao longo dos seus 29 anos de existência. "Foi um momento para relembrar episódios importantes da nossa história, como a Constituição de 1988, a extinção da representação classista na Justiça do Trabalho, a recomposição dos vencimentos da magistratura, a Reforma do Judiciário, entre outras", afirmou Fátima Stern.



Primeiro presidente da Amatra 5, no período 1977/1979, o juiz Antônio Cruz Vieira afirma que uma das grandes lutas da magistratura trabalhista naquela época foi a elaboração da Lei Orgânica da Magistratura (Loman). "Fizemos inúmeras reuniões para recolher as propostas dos juízes de todo país para serem incluídas na Loman", relembra Cruz Vieira.



Primeira mulher a presidir a entidade, a juíza Ilce Carvalho ocupou o cargo por três períodos - 1983/1985, 1985/1987 e 1989/1991. Nesta fase, sua grande preocupação era unir juízes, advogados e procuradores do trabalho em torno da expansão e modernização da Justiça do Trabalho. "Fizemos uma série de encontros e seminários pelo interior da Bahia e Sergipe," relembra a juíza, que, no período 1989/1991, acumulou a função de presidente da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra). Na sua gestão, foi realizado o primeiro Congresso Nacional dos Magistrados do Trabalho (Conamat).



A presidência do desembargador Raymundo Pinto (1987/1989) foi marcada pelas discussões em torno da Assembléia Constituinte, na qual a Justiça do Trabalho conquistou novas prerrogativas, incluindo o julgamento dos litígios envolvendo servidores celetistas da União. "Nossa grande luta foi pela extinção da representação classista, mas não obtivemos sucesso, em função do grande poder de articulação dos classistas", afirma Pinto.



A vitória só foi obtida em 1999, na segunda gestão do desembargador Cláudio Brandão (1993-1995 e 1999/2001), quando foi aprovada a Emenda Constitucional 24. "Foram anos de trabalho para formar uma consciência coletiva na sociedade em torno da necessidade do fim dos classistas e para refletir essa mudança de visão coletiva no Congresso Nacional", explica Brandão.



Para a desembargadora Marama Carneiro, a principal marca da sua passagem pela presidência da Amatra 5 (1995/1997) foi a luta por melhores condições de trabalho e por aumento salarial para os magistrados. "Houve uma união muito forte dos associados em torno do engrandecimento do Judiciário", afirma a desembargadora.



Na presidência do juiz Rubem Nascimento Júnior, a magistratura do trabalho ganhou a briga para ocupar todas as vagas deixadas pelos classistas nos tribunais do trabalho. "Tivemos uma longa batalha para que o Supremo Tribunal Federal reconhecesse o nosso direito", afirma o Nascimento Júnior. Como conseqüência, 10 juízes de 1a instância foram promovidos para o TRT da Bahia. Também nesse período, foi aprovado um projeto de lei recompondo os vencimentos da magistratura do trabalho. 


MAIS LIDAS

enviar

ENDEREÇO

Rua Miguel Calmon, nº 285,
Edifício Góes Calmon, 11º andar,
CEP 40.015-901,S
Salvador - Bahia - Brasil

TELEFONE

Tel.: 71 3326-4878 / 3284-6970
Fax: 71 3242-0573

AMATRA5
Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 5ª Região
AMATRA5
© 2013 - AMATRA 5. Todos os Direitos Reservados
Agência NBZ - estratégia digital